Sobre a Natureza

Bem alguns podem discordar, mas nunca se falou tanto, fotografou, desenhou, pintou ou se fez eventos, tendo como referência, a Mãe Natureza.

Muito bem, mas nem todas as reportagens, menções, documentários, filmes, edições literárias tem, até agora, ao que eu saiba, se voltado para o mais importante, em relação a esse tesouro que nenhum cientista, inventor, ou gênio, foi capaz: o AMOR que todo ser humano deve ter por essa Maravilha, sem a qual, não seria possível existirmos.

Todos os dias ao acordar, com as preocupações do dia a dia, o trabalho, os estudos, na maioria das vezes, não paramos para sentir: o perfume das flores, o céu com suas nuances, a brisa do mar, o canto dos pássaros, o Sol, esse astro que nos aquece com seu calor único, a lua, as estrelas, as nuvens, que muitas vezes se transformam na abençoada chuva, que contribui para a Cultura dos alimentos, para a beleza das florestas, para a vida dos animais que povoam as matas.

Vejam quanta beleza, que há na natureza, é capaz de despertar em nós, os melhores sentimentos: de paz, alegria, prosperidade, esperança, renascimento, esperança de que, a cada despertar, tanta beleza a nossa volta, é uma dádiva, um presente.

E, o que toda essa Maravilha, nos pede em troca? Nada, absolutamente nada. Então, o que os seres humanos, independente de qualquer crença, ideologia, raça, ou sexo, deveria na minha opinião, até por uma questão de sobrevivência, no mínimo, dar a Mãe Natureza, muito mas muito AMOR

Vamos, pelo menos tentar, uma vez que seja em nossas vidas, olhar para a natureza que nos rodeia e dizer: obrigada por existir, por me fazer feliz e me presentear com tanta beleza.

Meu nome é Sonia Maria, sou carioca, com muito orgulho, advogada, empresária. Nas horas vagas adoro ler bons livros, dançar, viajar, namorar. E sou uma pessoa bastante obstinada, sei ser paciente, aliás, a paciência, é fundamental para que não desistamos dos nossos objetivos.